.:: Litro do álcool pode passar de R$ 1,80 em SP ::..

Notícias

  • Twitter
  • FaceBook

Litro do álcool pode passar de R$ 1,80 em SP

Os consumidores de Ribeirão Preto (SP), sede regional do maior polo sucroalcooleiro do Brasil, começam a primeira semana de 2010 com o preço do litro do álcool vendido a R$ 1,799 na maioria dos postos de abastecimento de combustíveis. É mais caro que a atual média estadual, de R$ 1,74, e o dobro do preço em março do ano passado, quando o litro estava em R$ 0,85.

   Pela previsão da diretoria regional da BrasCombustíveis, que representa os postos revendedores, a tendência é o preço se manter alto e até ultrapassar os R$ 1,80, em Ribeirão Preto e na maioria das cidades paulistas.

   Segundo o diretor da entidade, Renê Abad, são vários os motivos que justificam a alta, mas o principal deles foi o crescimento da demanda em 2009, que teria provocado "um furo" de cerca de 3 bilhões de litros nos estoques. "Para evitar possível desabastecimento, o litro do produto na usina saltou numa escala progressiva de R$ 0,57 em maio do ano passado para R$ 1,10, e os distribuidores hoje vendem ele entre R$ 1,50 e R$ 1,58 para os postos."

   As últimas chuvas, segundo ele, também teriam contribuído para a alta. O custo de produção de um litro na usina está em R$ 0,85. O teor de sacarose da cana caiu, comprometendo a produtividade. Levantamento da BrasCombustíveis indica que mais de 25% dos consumidores de Ribeirão Preto migraram para a gasolina.

Fonte: Agencia Estado\Jornalcana
(08/01/2010)
  • Twitter
  • FaceBook